segunda-feira, 11 de agosto de 2014

As Melhores Bandas do Rock Progressivo

Neste post continuarei continuarei focando em alguns subgêneros do rock e nesse colocarei algumas das melhores bandas de rock progressivo acompanhando um resumo de sua biografia e uma playlist com 20 de suas melhores músicas na minha opinião. Muitas dessas bandas englobam outros subgêneros do rock e até poderiam figurar em outras listas, como o Rush por exemplo, porém foquei na influência que elas tem para outras bandas de rock progressivo e por conter mais a caracterísitca em específico deste subgênero.  E lembrando mas uma vez que essa é minha opinião, então se tiver alguma idéia de banda que eu não citei, diga nos comentários, mais comente com educação senão seu comentário será deletado e você perderá seu tempo. Veja abaixo.

Definição

Rock progressivo (também abreviado por prog rock ou prog) é um subgênero do rock que surgiu no fim da década de 1960, na Inglaterra. Conseguiu se tornar muito popular na década de 1970, e ainda hoje possui muitos adeptos.
O estilo recebeu influências da música clássica e do jazz fusion, em contraste com o rock estadunidense historicamente, influenciado pelo rhythm and blues e pela música country. Ao longo dos anos apareceram muitos sub-géneros deste estilo tais como o rock sinfônico, o space rock, o krautrock, o R.I.O, o metal progressivo e o metal sinfônico. Praticamente todos os países desenvolveram músicos ou agrupamentos musicais voltados a esse gênero. Continuar Lendo



As Melhores Bandas na minha opinião


Pink Floyd


Pink Floyd foi uma banda de rock inglesa formada em Cambridge em 1965, que atingiu sucesso internacional com sua música psicodélica e progressiva. Seu trabalho foi marcado pelo uso de letras filosóficas, experimentações musicais, capas de álbuns inovadoras e shows elaborados. O Pink Floyd é um dos grupos de rock mais influentes e comercialmente bem-sucedidos da história, tendo vendido mais de 250 milhões de álbuns ao redor do mundo1 e introduzido no Rock and Roll Hall of Fame dos Estados Unidos em 1996 e no Rock and Roll Hall of Fame do Reino Unido em 2005 pelo conjunto da obra do grupo.2 3A banda, originalmente, consistiu dos estudantes Roger Waters, Nick Mason, Richard Wright e Syd Barrett. Fundado em 1965, eles, inicialmente, tornaram-se populares tocando no cenário underground londrino, no fim dos anos 60. Sob a liderança de Barrett, lançaram dois singles ("Arnold Layne" e "See Emily Play") e um bem-sucedido álbum de estreia, The Piper at the Gates of Dawn, de 1967. O nome Pink Floyd é a abreviação de The Pink Floyd Sound, nome sugerido por Barrett em homenagem a dois músicos de blues admirados por ele: Pink Anderson e Floyd Council.O guitarrista e vocalista David Gilmour juntou-se à banda em 1968, meses antes da saída de Barrett do grupo, devido ao seu estado de deterioração mental, agravado pelo uso de drogas. Na sequência da perda de seu principal letrista, Roger Waters tornou-se o principal compositor e líder conceitual do grupo, com Gilmour assumindo a guitarra solo e parte dos vocais. Com essa formação o Pink Floyd atingiu o sucesso internacional com álbuns como The Dark Side of the Moon, Wish You Were Here, Animals e The Wall. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Breathe, Time, Money, Us and Them, Another Brick in the Wall (Part II), Comfortably Numb, Mother, Hey You, Have A Cigar, Wish You Were Here, Shine On You Crazy Diamond (Parts 1-5), Dogs, Pigs (Three Different Ones), Echoes, High Hopes, Learning To Fly, In the Flesh?, Arnold Layne, Brain Damage, Run Like A Hell



Yes


O Yes é uma banda britânica de rock progressivo formada originalmente por Jon Anderson (vocal), Chris Squire (baixo), Tony Kaye (teclado), Peter Banks (guitarra) e Bill Bruford (bateria) em 1968. Apesar das muitas mudanças na formação, separações ocasionais e as diversas mudanças na música popular, o grupo está na ativa há 45 anos e ainda detém grande prestígio internacional.Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Owner of a Lonely Heart, Roundabout, Close To the Edge, I've Seen All Good People, Starship Trooper, Heart of the Sunrise, Rythm of Love, And You and I, Yours Is No Disgrace, Long Distance Runaround, South Side of the Sky, Siberian Khatru, Sound Chaser, To Be Over, The Revealing Science of God/Dance of Dawn, The Gates of Delirium, Changes, Going For the One, Wonderous Stories, Tempus Fugit



Rush


Rush é uma banda canadense de rock formada em agosto de 1968 na cidade de Toronto, Ontário. A banda é composta pelo baixista, tecladista e vocalista principal Geddy Lee, pelo guitarrista e backing vocal Alex Lifeson e pelo baterista, percussionista e letrista Neil Peart. A formação original da banda passou por algumas modificações entre 1968 e 1974, alcançando sua formação definitiva com Peart em julho de 1974, duas semanas antes da primeira turnê nos Estados Unidos, devido a problemas de saúde de John Rutsey, antigo baterista da banda.
Desde o lançamento do seu álbum de estreia em março de 1974, Rush tornou-se conhecido pelas habilidades instrumentais de seus membros, composições complexas e letras ecléticas, que abordam pesadamente a ficção-científica, fantasia e filosofia, dirigindo-se a assuntos humanitários, sociais, emocionais, e ambientais. Musicalmente, o estilo evoluiu ao longo dos anos, iniciando-se na inspiração do blues no rock em seus primeiros álbuns e, em seguida passando por fases em que predominaram as influências do hard rock, rock progressivo e sintetizadores. A banda e sua musicalidade têm sido citadas como influência por vários artistas musicais, incluindo Metallica, The Smashing Pumpkins e Primus, bem como as bandas de metal progressivo como Dream Theater e Symphony X. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Working Man, What You're Doing, Anthem, Fly By Night, Closer To The Heart, 2112, A Passage To Bangkock, La Villa Strangiato, The Spirit of the Radio, Freewill, Tom Sawyer, Limelight, YYZ, The Camera Eye, Witch Hunt, Subdivisions, Marathon, Roll the Bones, Far Cry, The Wreckers



Genesis 


Genesis foi uma banda britânica de rock progressivo formada em 1967, quando os seus fundadores Peter Gabriel, Mike Rutherford e Tony Banks ainda estudavam na Charterhouse School. O grupo alcançou enorme sucesso nas décadas de 1970, 1980 e 1990.
Com aproximadamente 150 milhões de álbuns vendidos em todo o mundo, Genesis é considerada uma das mais importantes bandas de rock de todos os tempos. Sua carreira tem duas fases musicais diferentes. Na fase inicial, suas estruturas musicais complexas, instrumentação elaborada e apresentações teatrais a tornaram uma das bandas mais reverenciadas do rock progressivo na década de 1970. Criações clássicas da banda nesse período incluem a canção de 23 minutos "Supper's Ready" do álbum Foxtrot de 1972, além do álbum conceitual de 1974 The Lamb Lies Down on Broadway. A partir da década de 1980, sua música tomou um caminho distinto em direção ao pop, tornando-a mais acessível para a cena musical.
Em 18 de outubro de 2006, a BBC anunciou que os membros do Genesis, incluindo Phil Collins, Mike Rutherford e Tony Banks, aceitaram reunir-se para uma turnê mundial e explorando a possibilidade de gravação de um novo material .Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Supper's Ready, Firth of Fifth, Carpet Crawlers, After Glow, Entangled, The Cinema Show, Dancing in the Moonlight Knight, The Musical Box, The Lamb Lies Down on Broadway, Watcher of the Skies, Invisible Touch, Land of Confusion, Mama, Dance On A Volcano, I Can't Dance, In The Cage, Ripples, Heathaze, In Too Deep, Abacab



Jethro Tull 


Jethro Tull é uma banda de rock formada em Blackpool em 1967. Sua música é caracterizada pelas letras, o estilo vocal cheio de maneirismos e o trabalho único na flauta de seu líder Ian Anderson, além de uma complexa e pouco usual construção musical. Inicialmente calcado no estilo blues rock, o Jethro Tull eventualmente incorporou a seu som elementos de música clássica, folk, jazz, hard rock e art rock. A banda vendeu mais de 60 milhões de discos ao redor do mundo.Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Aqualung, Locomotive Breath, A New Day Yesterday, Too Old to Rock N Roll: Too Young To Die, Living in the Past, Cross-Eye Mary, Look Into the Sun, Reasons For Waiting, Acres Wild, Bourée, Nothing Is Easy, Thick As A Brick, Heavy Horses, Hunting Girl, Bungle In the Jungle, Hymn 43, Teacher, Skating Away on the Thin Ice of The New Day, The Whistler, Minstrel in the Gallery



King Crimson


O King Crimson é um grupo musical inglês formado pelo guitarrista Robert Fripp e pelo baterista Michael Giles em 1969. O estilo musical da banda costuma ser categorizado como rock progressivo, mas a sua sonoridade carrega vários estilos, como jazz, música erudita, new wave, heavy metal e folk .
Uma parte considerável da história do Crimson consiste nas várias mudanças que foram ocorrendo na banda ao longo dos anos, sendo Robert Fripp o único elemento permanente do grupo, embora ele diga que não se considera o líder, e que para ele o King Crimson é “uma forma de fazer coisas”,e a consistência musical que tem persistido ao longo da história da banda, apesar da rotação dos seus membros, demonstra bem este ponto de vista. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: 21st Century Schizoid Man, The Court of the Crimson King, Epitaph, Moonchild, Starless, I Talk to the Wind, Larks Tongues In Aspic (Part II), Book of Saturday, Cirkus, Lizard, The ConstruKtion of Light, The Power To Believe I, The Power To Believe II-IV, Red, Dinosaur, Frame By Frame, Elephant Talk, Walking On Air, One Time, Elektrik




Emerson, Lake and Palmer (ELP)


Emerson, Lake & Palmer (ou ELP) é uma banda de rock progressivo britânica formada nos anos 70 por Keith Emerson (teclado), Greg Lake (guitarra, baixo e vocais) e Carl Palmer (bateria). Entrou para história da música por ser a primeira banda de rock a levar um sintetizador, na época um aparelho gigantesco, monofônico e analógico, para um show, em fins da década de 1960. Entre os seus sucessos, destacam-se From the Beginning, Lucky Man e Ces't la vie. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Fanfare for the Common Man, Tarkus, Karn Evil 9, Trilogy, Lucky Man, Hoedown, Jerusalem, Still You Turn Me On, The Barbarian, Tiger In A Spotlight, Peter Gunn Theme, From The Beginning, Nut Rocker, Pirates, Black Moon, C'est La Vie, Watching Over You, Take A Pebble, Tocatta, The Great Gates of Kiev


Frank Zappa & The Mothers of Invention


The Mothers of Invention foi uma banda de rock com elementos de jazz, música erudita e humor que esteve em atividade durante as décadas de 1960 e 1970. A maior parte do material era de autoria de seu líder, Frank Zappa, mas outros membros também tinham parte nos créditos. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Peaches en Regalia, Eat That Question, My Guitar Wants To Kill Your Mama, Watermelon In East Hay, City of Tiny Lites, Night School, Willie The Pimp, Who Are The Brain Police ?, WPLJ, Trouble Every Day, Lumpy Gravy II, How Could I Be Such A Fool, Bob Brown Goes Down, Muffin Man, Valley Girl, Dancin' Fool, Don't Eat The Yellow Snow, Cosmic Debris, Joe's Garage, Montana



Kansas


Kansas é uma banda de rock americana dos anos 1970 especializada no estilo progressivo. Dave Hope (baixo), Phil Ehart (bateria), Robby Steinhardt (violino), Steve Walsh (teclado e vocal) e Rich Williams (guitarra) formaram a banda White Clover em sua cidade natal de Topeka, Kansas. Depois da entrada de Kerry Livgren (teclado e guitarra) o nome da banda foi mudado para Kansas. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Carry On My Wayard Son, Dust In the Wind, Point of Known Return, Hold On, Fight Fire With Fire, Play the Game Tonight, No One Together, Portrait (He Knew), The Wall, Journey From Mariabronn, Icarus - Born on Wings of Steel, Song For America, It Takes a Woman Love (To Make a Man), Miracles out of Nowhere, Questions of my Childhood, The Pinnacle, A Glimpse of Home, The Devil Game, Bells of Saint James, What's On My Mind



Renaissance


Renaissance foi uma banda de rock progressivo do Reino Unido popular nos anos 1970. Considerada um das melhores bandas progressivas nesse período ao lado de Yes, Pink Floyd, Genesis, Camel, Focus, Eloy e Gentle Giant. Dentre suas músicas de mais sucesso estão "Carpet of the Sun", "Mother Russia"e "Ashes Are Burning". Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Ashes are Burning, Ocean Gypsy, Song of Scheherazade, Carpet of the Sun, Trip to the Fair, Can You Understand ?, The Vultures Fly High, Things I Don't Understand, Mother Russia, The Day of the Dreamer, Kings and Queens, Bullet, A Song For All Seasons, Running Hard, Rajah Khan, Touching Once(Is So hard to keep),  Kiev,Let It Grow, On the Frontier, Northern Lights


Can


Can (The Can até 1970) foi uma banda de rock experimental fundada na Alemanha em 1968. Uma das mais importantes bandas do movimento krautrock, o Can possuía uma estilo musical baseado em bandas de rock de garagem como The Velvet Underground, com influência na música experimental. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Paperhouse, Hallelluhwah,  Oh Yeah ,Vitamin C, Mushroom, One More Night, Spoon, Peeking O, Future Days, Soup, Yoo Doo Right, Dizzy Dizzy, Aumgn, Outside My Door, She Brings the Rain, Mother Sky, Father Cannot Yell, Bring Me Coffee or Tea, Sing Swan Song, I'm So Green



Porcupine Tree

Porcupine Tree é uma banda britânica formada em Hemel Hempstead, Hertfordshire, Inglaterra. É o projeto musical de maior sucesso e projeção do músico Steven Wilson, como evidenciado pela popularidade da banda. É constituída por uma mistura de rock progressivo, rock psicodélico, experimentalismo avant garde e heavy metal. Apesar disso, o vocalista Steven Wilson não possui a mesma opinião. Ele cita que a música de sua banda é muito simples, sem elementos complexos. A complexidade está na produção, na maneira como os álbuns são construídos. Continuar Lendo. 


Músicas contidas na playlist: Blackest Eyes, Trains, Anesthetize, Fear of a Blanket Planet, Wedding Nails, Collapse the Light into Earth, Arriving Somewhere But Not Here, Start Something Beautiful, Mellotron Scratch, Lazarus, Sentimental, Normal, The Sound of Muzak, My Ashes, Lightbulb Sun, Dark matter, Open Car, Heartattack in a Layby, Shesmovedon, Hatesong


 The Alan Parson's Project
 

The Alan Parsons Project é um grupo de rock progressivo inglês formado nos fins dos anos 70 início dos anos 80 e foi fundado por Alan Parsons e Eric Woolfson.
Muitos dos seus títulos, especialmente os primeiros, partilham traços comuns com The Dark Side of the Moon dos Pink Floyd, talvez influenciado pela participação de Alan Parsons como engenheiro de som na produção deste álbum em 1973. Eram álbuns conceituais que começavam com uma introdução instrumental esvanecendo-se na primeira canção, uma peça instrumental no meio do segundo lado do LP e terminavam com uma canção calma, melancólica e poderosa. (No entanto, a introdução instrumental só foi realizada até 1980 - a partir desse ano, nenhum álbum exceto "Eye In The Sky" possuiu uma.)
O grupo era bastante incomum na continuidade dos seus membros. Em particular, as vocalizações principais pareciam alternar entre Woolfson (principalmente nas canções lentas e melancólicas) e uma grande variedade de vocalistas convidados escolhidos devido às suas características para interpretar determinado tema. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Eye in the Sky, Don't Answer Me, Damned If I Do, (The System of) Doctor Tarr and Professor Feather, The Fall of the House of Usher: IV Pavane, Don't Let It Show, Lucifer, The Raven, Old and Wise, Some Other Time, You Lie Down With Dogs, Step By Step, I Wouldn't Want to be Like You, Time, The Cask of Amontillado, The Eagle Will Rise Again, Ammonia Avenue, Silence And I, Sirius, Breakdown



Focus


O Focus é uma banda de rock progressivo holandesa fundada em 1969 pelo organista e flautista Thijs van Leer, considerada uma das grandes bandas nesse estilo musical. Suas extensas e quase exclusivas composições instrumentais e improvisações continham várias referências à música erudita. Um exemplo é a referência a ópera de Monteverdi na canção "Eruption", do álbum Moving Waves. Outra demonstração está na referência à Johann Sebastian Bach em "Carnival Fugue", do álbum Focus 3, ou ainda das referências ao Renascimento de "Anonymus II", do mesmo álbum. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Hocus Pocus, Anonymous, House of the King, Focus, Janis, Focus II, Tommy, Sylvia, Focus III, Harem Scarem, Mother Focus, Bennie Helder, Red Sky At Night, Focus IV, Love Remembered, Anonymous II, Le Clochard, Elspeth of Nothingham, Round Goes the Gossip, Moving Waves



Marillion


Marillion é uma banda de rock progressivo formada em 1979. Eles são os expoentes mais populares do sub-gênero conhecido como neo-progressivo. A banda foi formada como Silmarillion, inspirada no livro de mesmo nome de J.R.R. Tolkien. Depois de uma alta rotatividade de integrantes nos primeiros anos, Steve Rothery foi o único membro original a permanecer. O nome do grupo foi encurtado depois de uma ameaça de processo feita pela família de Tolkien em 1980. O grupo lança seu primeiro compacto em 1982, "Market Square Heroes". Depois do sucesso alcançado, eles lançam seu primeiro álbum em 1983. Até os dias de hoje, já emplacaram 23 hits no UK Singles Chart e, até o ano 2000, já haviam vendido cerca de 14 milhões de álbuns em todo o mundo, tendo ainda feito turnês em vários países e continentes, como América, Europa e Japão. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: Kayleigh, Heart of Lothian, The Invisible Man, Chilhood's End, Lavander, The Web, Assassing, Garden Party, Incommunicado, Sugar Mice, No One Can, Warm Wet Circles, Hooks In You, Easter, Cover My Eyes (Pain and Heaven),Script For A Jester's Tear , That Time of the Night (The Short Straw), He Knows You Know, Pseudo Silk Kimono, Chelsea Monday


Supertramp


Supertramp uma banda de rock britânica formada em 1969 sob o nome Daddy antes de ser renomeada no início de 1970. Embora sua música tenha sido inicialmente classificada como rock progressivo, eles têm incorporado desde então uma combinação de Rock tradicional, pop e art rock em sua música. O trabalho da banda é marcado pela composição de Rick Davies e Roger Hodgson, a voz de Hodgson, o uso de piano elétrico Wurlitzer e saxofone em suas canções.
Apesar do trabalho inicial da banda ser rock progressivo popular, eles desfrutaram de maior sucesso comercial e de crítica quando passaram a incorporar elementos mais convencionais e aceitáveis nas rádios em seu trabalho, em meados da década de 1970, chegaram a vender mais de 60 milhões de álbuns.
Eles alcançaram seu pico de sucesso comercial com a música de 1979, Breakfast in America, que já vendeu mais de 20 milhões de cópias. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: The Logical Song, Breakfast In America, Dreamer, Give A Little Bit, It's Raining Again, Take the Long Way Home, Hide In Your Shell, Ain't Nobody But Me, From Now On, Crime of the Century, School, Goodbye Stranger, Bloody Well Right, Rudy, Cannonball, A Soapbox Opera, Better Days, Child Vision, Asylum, If Everyone Was Listening

Obs: A maioria das músicas do Supertramp não tem no youtube em suas versões originais, creio eu que por questões de copyright, por isso muitos dos videos da playlist estão na versão do vocalista Roger Hodgson, além de apresentações ao vivo.



Os Mutantes


Os Mutantes é uma banda brasileira de rock psicodélico formada durante o Tropicalismo no ano de 1966, em São Paulo, por Arnaldo Baptista (baixo, teclado, vocais),Rita Lee (vocais) e Sérgio Dias (guitarra, baixo, vocais). Também participaram do grupo Liminha(baixista) e Dinho Leme (bateria).
A banda é considerada um dos principais grupos do rock brasileiro. Assim como grande parte dos grupos dos anos de 1960, Os Mutantes foram fortemente influenciados por The Beatles, adotando inúmeros elementos musicais da banda britânica. No entanto, os músicos brasileiros eram também mergulhados em sua cultura local, exercendo sua própria criatividade na utilização de feedback, distorção e truques de estúdio de todos os tipos, assim como era feito pelo quarteto de Liverpool e pelo grupo The Beach Boys. Nesse sentido, os Mutantes foram pioneiros na mescla do rock and roll com elementos musicais e temáticos brasileiros. Outra característica do grupo era a irreverência. Pois como Os Mutantes, passou a existir uma espécie de mistura da música estrangeira com a brasileira e a adição de novas ideias, com doses de experimentalismo, abrindo, assim, o caminho para o hibridismo musical. Continuar Lendo.


Músicas contidas na playlist: A Hora e a Vez do Cabelo Crescer, Panis et Circenses, A Minha Menina, Bat Macumba, Ando Meio Desligado, Baby, Trem Fantasma, Fuga N°2, Ave Genghis Khan, O Relógio, Senhor F, Ave Lúcifer, Adeus Maria Fulô, Dia 36, Le Premier Bonhur du Jour, Cantor de Mambo, Desculpe Babe, El Justiciero, Tempo no Tempo, Jogo de Calçada


Outras Bandas importantes: Liquid Tension Experiment ,Primus, Robert Fripp, Gentle Giant, Traffic, Gong, The Mood Blues, Mahavishnu Orchestra, Camel, Mike Oldfield, The Flower King, Peter Gabriel, Goblin, Electric Light Orchestra, Procol Harum, Captain Beefheart & the Magic Band, Andromeda, Transatlantic, Afrodite's Child, Utopia, Asia, Dixie Drags, Vangelis, Van Der Graaf Generation, Caravan, Hawkind, The Soft Machine, Pain of Salvation, Saga, Roxy Music, Rhapsody, Guru Guru, Mindflow, 14 Bis, A Barca do Sol, Som Imaginário,Casa das Máquinas, Módulo 1000, Curved Air, O Terço, Portishead, Nexus, King's X, Steve Hackett e etc..


Veja Outros Posts desta Série :

Hard Rock
Heavy Metal
Rock Alternativo
Grunge
Punk Rock


Confira também outros posts recentes:

Os Melhores Mashups de Músicas - Parte 2
As Melhores Baladas do Rock - Parte 2

14 comentários:

  1. Parabéns pelo post e pelo blog. Também sou fã irrestrito de rock progressivo e também tenho um blog (edsonfloyd.blogspo.com); Tenho uma postagem especifica sobre o Floyd, mas também tenho um post sobre discos inesquecíveis e muitos deles são de bandas que você citou no post ou no complemento. Parabéns mais uma vez; saúde e paz. Edson Floyd

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Edson ! Fico feliz que tenha gostado \o/
      Vou dar uma olhada lá no seu blog : )
      Abç

      Excluir
  2. Não conhecia a Porcupine Tree... muito legal !

    ResponderExcluir
  3. Playlist de Genesis sem ''I know what i'm like (in your wardrobe)'' e ''The battle of epping forest''? Senti bastante falta.

    ResponderExcluir
  4. Cara, parabéns pela lista, muito bem formulada. Concordo bastante com ela.

    ResponderExcluir
  5. Minha favorita é The Moody Blues, indispensável!

    ResponderExcluir
  6. https://www.youtube.com/watch?v=-usEEganq3g
    Banda chamada Family...E um rock progressivo mais puxado pro psicodélico!
    A voz do Robert Chapman e demais!

    ResponderExcluir
  7. https://www.youtube.com/watch?v=jJFU5JJCaHU
    Outra dessa banda Family que foi uma das primeiras de rock prog! A voz desse cara e demais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Obrigado pelo dica, vou dar uma olhada :) Abraço..

      Excluir
  8. Deixou de fora blue öyster cult

    ResponderExcluir
  9. Gostei demais de sua lista, senti falta de Spock's Beard, estes não podiam faltar aí, um abraço (y)

    ResponderExcluir
  10. DEIXOU DE FORA A BANDA QUE CRIOU O PRIMEIRO ÁLBUM CONCEITUAL DO PROGRESSIVO EM 1967, QUANDO OUTRAS AÍ CITADAS AINDA NEM EXISTIAM OU ESTAVAM ENGATINHANDO... SEM THE MOODY BLUES SUA LISTA FICOU COM UM ENORME VÁCUO.
    CAMEL, NÉKTAR, CARAVAN E UM DOS PRECURSORES "PROCOL HARUM" TAMBÉM DEVERIAM SER CITADOS...

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito...parabéns! Passei de Grand Funk, Black Sabbath e outros para Yes, ELP, Focus...e Pink Floyd...a molecada de hoje desconhece esses grupos e tampouco são capazes de perceber as influências! E viva o desconhecimento e a cultura "Miojo"...

    ResponderExcluir

Pense bem antes de comentar, qualquer mensagem ofensiva será deletada. Não perca o seu tempo escrevendo besteira.